Obesidade e Moda Plus Size

Já repararam como hoje em dia a necessidade de ser politicamente correto em tudo deixou a humanidade mais paranoica  com relação aos obesos? É medo de comer e engordar, fórmulas e mais fórmulas e tratamentos mirabolantes para fazer as pessoas emagrecerem, revistas que a cada semana alardeiam a nova dieta que promete secar não sei quantos quilos em não sei quantos dias…e defender os direitos dos gordos então? Garantir aos consumidores  obesos representatividade no mercado agora é fazer apologia à obesidade?

 Obesidade e Moda Plus Size

Estava lendo esta semana um artigo sobre a carreira de modelo plus size e lembrando da conversa que tive com alguém online que me informava que muitos fabricantes de determinada região não gostavam de modelos plus size, acham que as roupas não ficam boas em modelos maiores. E isso me deu um estalo povo! Quantas de vocês já viram por aí roupas tamanho 50 / 52 / 54 / 56  que não tem caimento nenhum? Que mais parecem sacos?!

Só no Brasil mesmo para encontramos uma mentalidade tão tacanha e preconceituosa dentro de uma indústria que cresce a cada ano, mas não busca uma identificação entre sua marca e público! As consumidoras gordas não querem ver roupas plus size em modelos com corpos que não se parecem nem um pouco com o corpo delas! Queremos representatividade! Onde já se viu isso! falar que usar modelos maiores é apologia à obesidade! Se não gostam de gordas mudem de ramo! Tô cansada de ver a maneira desrespeitosa e cega que as marcas tratam seu público alvo.

Gordos existem e sempre vão existir, fazer propaganda de roupas com modelos com os quais seu público se identifica não é fazer apologia à obesidade. É dar aos clientes a oportunidade de se identificarem com sua marca. Se você não quer sua marca associada a lindas BBW, mude de ramo! Vá fazer roupas até o 40 apenas, já que 42 agora é plus size. E outra, esse termo plus size que na verdade significa apenas ( de acordo com os especialistas que vemos nas redes sociais): “fora do padrão 38″, que não tem estria, celulite (sim eu li isso no artigo)….Qual a porcentagem de mulheres, entre as magras que não possuem celulite ou estrias? Baixíssimo, não? Porque isso faz parte do corpo feminino, devido a nossa estrutura, temos menos massa muscular que homens, por isso nosso corpo é assim.

Querem gordas que não parecem gordas para divulgar seus produtos para mulheres gordas de verdade! Eu tô louca? É só na minha cabeça que isso não faz o menor sentido? É desconfortável ver um gordo? Desconfortável é ter que aturar preconceito até mesmo da indústria que deveria nos representar. Se sentir inadequado com algo que supostamente é direcionada para mim como consumidora é ultrajante! A indústria da moda tradicional faz apologia à anorexia e nem por isso não vemos manequins com corpo menos esquelético nas campanhas, catálogos. Até mesmo em campanhas de marcas que vendem sapatos as modelos são magérrimas.


Não estamos fazendo apologia à obesidade, não estamos lançando nenhuma campanha para que todos ganhem peso! Só queremos que nos respeitem como seres humanos e consumidoras! Queremos nos identificar coma s marcas! É pedir muito? Por que o nosso é o único ramo em que o marketing não faz isso? Por que o nosso ramo precisa perpetuar a ditadura da magreza? para que reforçar a imagem que o corpo feminino nunca está bom o bastante? Vocês falam tanto em saúde, mas esquecem que existe a física e emocional, psicológica! Vocês reforçam distúrbios de autoimagem negativa em milhões de mulheres! Venderiam muito mais se repensassem seus conceitos e as consumidoras se sentissem representadas pelas suas marcas e campanhas!




Publicado aqui


Beijos Queen Size,

[Bebê a bordo] Oitavo mês!

Oi gente, tudo bem?? Então já estou no oitavo mês, e assustada de como esta passando rapidinho *.* logo logo a Júlia já estará aqui conosco <3

Bom com a proximidade da chegada da minha princesa vem a ansiedade, e acho que devido a ela, estou sentido alguns desconfortos até então desconhecidos por mim haha

Como a barriga já está bem grandinha, as vezes é bem desconfortável para dormir, e se deito de barriga para cima, sinto um pouquinho de falta de ar, daí é um custo achar “posição” mais confortável para mim e para a Júlia haha a minha pequena está mexendo demais, tem dias que passa as noites mexendo (tipo hoje) e com isso eu durmo bem picadinho, pois acordo toda hora, mas mesmo sendo em horários inconvenientes eu amo cada “chutinho” <3

Oitavo mês

Nosso primeiro Natal juntas. <3

 

Essa semana pretendo começar a arrumar as coisinhas dela, montar o berço, lavar e passar as roupinhas, enfim deixar tudo arrumadinho para a sua chegada *.*

Como ela vai dormir no quarto comigo, ainda não sei muito bem como “decorar” um espacinho para ela, mas estou tendo algumas ideias, e se vocês também tiverem me ajudem :)

Autoestima sem Tamanho: Rafaella Oliveira

Ser gordinha é algo que deixa a vida de muitas mulheres um pouco mais complicada, mas agora imagina você ter uma mãe magra, linda e famosa como a Cristiana Oliveira e ser gordinha? Acredito que a pressão para emagrecer em cima da Rafaella Oliveira tenha sido muito grande, eu que nem sou ryca e famosa tenho que lidar com comentários de todos os lados, imagino que ela tenha vivido isso de forma muito mais intensa.
Ela tinha tudo para ser uma pessoa infeliz com seu corpo, né? Mas ela não é! <3

Nos últimos dias do ano uma amiga me mandou uma matéria que exibia essas fotos abaixo, eu fiquei realmente encantada com a autoestima sem tamanho e a liberdade da Rafaella em relação ao seu corpo. *___*

Rafaella Oliveira (2) Rafaella Oliveira Rafaella Oliveira (1)

Em um tempo que qualquer gordurinha é rechaçada pela mídia, a Rafaella foi e exibiu seu corpo sem neuras <3 mesmo sabendo que estar com a mãe na praia a tornava alvo de paparazzis.

Nas fotos é visível o quanto ela aproveitou seu dia de verão, com o biquíni que ela gosta e não com o que indicam para o corpo dela, sem precisar se esconder em uma saída de praia, ou ainda ter deixado de ir para não mostrar seu corpo.

Eu fiquei realmente apaixonada na autoestima da Rafaella, espero que em 2015 possamos nos espelhar em referências positivas como ela. Com bons exemplos de autoestima assim, poderemos ser ainda mais felizes com nossos corpos.

Ela não precisou ingressar como modelo plus size para se amar, ela não precisou ser eleita miss plus size para isso, ela apenas se ama e se aceita do jeitinho que é.  <3

#RafaellaMeRepresenta e espero que represente vocês também.

 

#LookdeAnoNovo – Luana Razera

A Luana Razera, já tinha mostrado seu look lá na nossa fanpage antes mesmo de usar. <3

Agora ela enviou sua fotita e os detalhes do que usou para que eu pudesse compartilhar com vocês. *___*

 

Luana Razera

Ela estava usando:

Camisa Branca – Marca: Pcz-y
Shorts Preto – Marca: Dona Mar
Rasteirinha Dourada – Marca: Cravo e Canela.

Adorei o looks super fresquinho e confortável que ela usou. E vocês curtem esse estilo?

#LookdeAnoNovo – Estela Fachiano

A Estela Fachiano, veio fechando o #LookdeNatal e voltou com tudo no #LookdeAnoNovo. <3

Mais uma vez, ela divide conosco o look night e dia das comemorações, vamos ver o que ela usou?

 

Estela Fachiano

Ela estava usando:

Vestido – Opção Perfeita

Sapatilha – Moleca

Bijoux – Focus Bijoux

Batom – Cor 250 da Linha Intense do O Boticário

Estela Fachiano (2)

Ela estava usando:

 Blusa – Danibrio

Shorts – Star Lee

Chinelo – Havaianas Slim

Adorei a presença dela aqui,  e a confiança em dividir seus looks e até foto com o Bem (como ela descreveu),espero que vocês também curtam as inspirações. E que a Estela seja presença garantida no blog durante 2015. <3