fbpx

Categoria: plus Size

11.02.22

Rua Teresa em Petrópolis – Tem Plus Size?

Um dos posts mais antigos aqui do blog é onde eu listava em 2009 opções de moda plus size na Rua Teresa em Petrópolis.

Eu amava comprar lá nessa época, e fazia a festa com as opções e os preços que eu encontrava em cada ida minha a Petrópolis.

Com o passar dos anos, a ampliação das lojas virtuais eu fui deixando de viajar pra comprar lá. Lembro que a última vez que tinha estado lá foi em 2016 e comprei na ocasião algumas blusinhas.

No final do mês de Janeiro, estive em Petrópolis e mesmo já imaginando que não encontraria muitas opções, eu me aventurei a ir em busca de moda plus size na Rua Teresa.

Mas infelizmente minhas expectativas se confirmaram e não indico mais como uma boa opção de compras.

Ao menos não pra mim, ou para quem usa tamanhos maiores como eu.

Deixei um destaque no meu Instagram, onde falei sobre essa minha visita e citei algumas lojas em que estive (clica aqui).

Encontrei ainda algumas lojas que eu gostava no passado, mas elas não atendem mais ao meu gosto pessoal ou ao meu manequim.

A maioria das peças plus size legais que encontrei por lá são até o tamanho 50/52, e acreditem encontrei até marca que vende o plus size até o tamanho 48 apenas haha.

Sigo amando Petrópolis, nossa viagem foi uma delícia e pretendo voltar logo, mas se acaso a busca for por roupas plus size na Rua Teresa eu não indico, visite o Quitandinha – RJ que é muito mais negócio. <3

15.06.21

Calça Thai é liberdade e conforto para os nossos movimentos!

Oie gente! Hoje eu quero apresentar para vocês uma loja online super legal que conheci recentemente e atende os corpos plus size, a loja online Calça Thai trouxe para o Brasil calças diretamente da Tailândia com princípio de sustentabilidade e preço justo.

E sabe qual é a parte que mais amei? A loja contempla uma infinidade de corpos por ter medidas bem amplas.

É comum eu conversar com vocês e ouvir sobre as dificuldades de encontrar roupas adequadas aos exercícios físicos, e realmente hoje até já temos uma boa oferta de peças em Lycra.

Mas se você é UMA mulher que usa plus size e busca por algo mais específico como uma calça ampla para a prática de Yoga e ainda não conhece a Calça Thai, na certa terá dificuldades em encontrar.

Conheçam agora as novidades da loja, a Calça Lótus e também a Calça Clássica Plus Size.

Além de ser uma peça ideal para a prática de Yoga e Meditação, as calças tailandesas podem ser uma peça muito fashionista para compor seus looks do dia a dia, e ainda é possível usar ela de outra forma, transformando- a em um macacão como na foto abaixo.

A Calça Lótus e também a Calça Clássica plus size, são novidades na loja online.

A Calça Thai é uma peça versátil, feita de forma artesanal, 100% vegana (o tecido utilizado é o Rayon de Bambu) com um material respirável que a deixa ainda mais confortável e a amplitude das peças respeitam lindamente as nossas curvas.

Isso é algo maravilhoso demais que todo mundo merece conhecer. <3

Convido vocês a acessarem agora mesmo a loja online Calça Thai e conferir todas as opções disponíveis por lá.

E quero saber também de vocês, já buscaram por algo assim e não encontraram? Gostam deste estilo?

*Publieditorial.

09.04.21

Mayara Russi agora é global!

Quem está ligada ao mercado plus size a mais de meia hora, na certa já se deparou com uma foto da diva Mayara Russi e se encantou com sua beleza.

Eu lembro exatamente a primeira vez que vi uma foto da Mayara Russi, embora isso já tenha quase 15 anos, eu ainda me lembro o quanto a achei maravilhosa.

Desde que criei o blog e acompanhei mais de perto o mercado plus size a Mayara Russi sempre foi a minha maior representatividade no Brasil, ela é a modelo de manequim maior a conseguir se manter neste mercado plus size que ainda é muito excludente. Lembro de comemorar que as marcas precisavam quebrar seus padrões para ter a Mayara e não ela precisava mudar para ter trabalho.

Teve um momento delicado de sua vida, que ela engordou bastante, e a maioria das marcas fechou as portas pra ela, e foi aí que ela entrou em um programa de emagrecimento na televisão (escrevi sobre aqui) e conseguiu perder peso e reconquistar seus jobs e sua carreira.

Recentemente ela falou sobre ter vivido um relacionamento abusivo (exatamente nessa época que engordou), e nisso a gente percebe o quanto uma coisa pode influenciar a outra. Ainda bem que ela se livrou deste relacionamento, conseguiu emagrecer e resgatar a sua própria vida e carreira como o modelo plus size.

Desde que ela retomou sua carreira no final de 2014 (até postei aqui), ela vem conquistando um mundo de coisas boas nesses anos, ela e outras modelos plus size compõem o elenco do reality Beleza GG no E! Online, e ali ela se tornou também apresentadora do canal. Outra coisa super legal, é que ela já foi a mocinha do clipe de uma música romântica, e isso é maravilhoso demais.

E se eu que sempre torci tanto pela Mayara e tudo que ela representa para mim e outras mulheres gordas, fui surpreendida no mês passado com uma notícia que me deixou muito maravilhada e feliz.

A nossa Mayara Russi, aquela menina gorda que já nos inspirou tanto e quebrou tantos padrões, agora vai ser uma atriz da TV GLOBO e vai mostrar para muito mais gente que existe uma carreira de modelo plus size e que ela pode te levar muito mais além.

Ela que por muitas vezes foi comparada com a maravilhosa Ana Paula Arósio, que tem um trajetória linda na TV, agora é ela que vai estar brilhando e nos encantando na Globo.

Voa Mayara, eu sempre soube de todo seu potencial! Sei que você vai me fazer até assistir TV hahaha, e ainda vai ir nos fazer comemorar muitas vitórias suas.

25.07.20

Dia Internacional da Mulher Negra

Hoje dia 25/07 é comemorado o Dia Internacional da Mulher Negra Latino-Americana e Caribenha. Sei que em um primeiro momento vocês podem ler isso e pensar: ” Mas somos todas mulheres, precisa de um dia específico?” Sim precisa , acredite!

Nós mulheres feministas brancas, muitas vezes não damos o devido valor e destaque as mulheres negras, ter uma data assim nos faz lembrar o quanto para elas a caminhada ainda é muito mais difícil. Mesmo os negros sendo a maior parte da nossa população, ainda é muito raro encontrarmos mulheres negras em locais de destaque em nossa sociedade, e sabe por que isso acontece?

Porque enquanto mulheres brancas lutavam pelo direito de ter um trabalho fora de casa, sempre tinha uma mulher negra cuidando e zelando pela família da branca.

As lutas de nossas irmãs negras ainda estão muito distantes das nossas, cabe a nós também o dever de ajudá-las a sair dos subempregos que muitas se encontram.

Mas quero além de convidar vocês para olharem para as mulheres negras com mais amor e oportunidades, a também exaltarem uma mulher NEGRA e GORDA, que vem lutando contra muitas opressões e vem vencendo a cada dia em um ambiente que muitos disseram não ser pra ela.

Mel Soares, tem 37 anos e é uma mulher negra com enorme destaque entre as influenciadoras de moda plus size e empresária do nicho, ela recentemente postou um IGTV muito sincero contando sobre nunca ter sequer estudado sobre racismo (clica aqui), acreditem que até mesmo conhecer mais sobre racismo é um privilégio que muitos negros ainda não tiveram.

Eu que acompanho o trabalho da MEL desde que ela iniciou, sempre a admirei por seus looks maravilhosos e diquinhas de beleza, para mim cada vitória dela é também uma vitória minha, sei bem o quanto o mercado é excludente para mulheres de manequins maiores e para negras e ela mesmo tendo ambas as características conseguiu se consolidar lindamente neste meio.

Mel é uma mulher negra super inspiradora, que tem muito a dizer a todas nós, se alguém aqui ainda não a conhece eu indico muito que passe a acompanhar.

Eu tenho a felicidade de conhecer muitas outras negras maravilhosas, mas através da figura da Mel eu quero exaltar todas as Negras e Gordas que lutam com duas opressões todos os dias e seguem sendo maravilhosas.

16.07.20

De gorda para gorda – Revista Hilda

Acredito que já tenha falado por aqui, que muito do meu processo de reconhecimento e amor ao meu corpo, eu agradeço a uma edição da revista Carícia (lançada entre 1997 e 2000) que li ainda adolescente, lá tinha uma matéria com várias gordas lindas dizendo que eram felizes com seus corpos e que tinham até namorados (bem típico de revistas dessa época).

O tempo passou e segui sem nenhum mísero contato com representatividade, até que conheci uma revista digital 100% online chama CriaturaGG, essa sem nenhuma dúvida foi determinante pra que eu entendesse o meu valor e descobrir que a moda existia para o meu corpo, eu amava ver os editoriais e sonhar com looks lindos que as gordas da cidade grande já tinham acesso (estou falando do início dos anos 2000), nisso veio uma maior difusão da moda plus size e eu aquela adolescente que não tinha o que comprar, e em quem se inspirar conseguiu ter quase todas as roupas que quis e ainda criou esse bloguinho aqui, que pra minha felicidade eu sei que já foi divisor de águas para muitas mulheres se reconhecerem e se redescobrirem como as maravilhosas que são. <3

Recentemente a Amanda, que é criadora da Revista Hilda, contou em uns stories que o Beleza sem Tamanho foi muito importante pra ela se encontrar e eu fiquei extremamente feliz de saber disso, saber que o que eu plantei aqui floresceu nela de forma tão positiva.

E aí, que todo esse papo até é pra contar uma super novidade!

A Revista Hilda está de volta, com um time maravilhoso e muitos conteúdos feitos de GORDA PARA GORDA.

Entre idas e vindas da Hilda, percebemos que, para falar sobre todo o universo plus size e tudo o que rodeia o corpo gordo, para ser A revista da mulher gorda, era preciso mais expertise, mais experiência, mais gordas. Era preciso uma reformulação, uma nova Hilda.

Nós falaremos sobre moda, mercado plus size, imagem e estilo, beleza, direitos do corpo gordo e comportamento em colunas escritas por mim e outras seis mulheres: Carol Zacarias, Dani Rudz, Daphne Constantinopolos, Gorda na Lei (Rayane Souza e Mariana Oliveira) e Lilian Lemos.” (descrição retirada daqui)

Que timão é esse? Tenho sorte de já conhecer a maioria, mas já vou seguir as que ainda não acompanho.

Eu que sempre fui apaixonada por revistas, e já cansei de ler várias que não eram pensadas em mim, fico muito entusiasmada com com o recomeço da Revista Hilda. Eu tenho certeza que assim como algumas revistas me ajudaram, assim como esse blog um dia ajudou a Amanda, que a Hilda já ajudou e ainda ainda vai ajudar muita mulher a se enxergar positivamente.

Convido todos vocês para acessarem o site da Hilda agora mesmo: https://www.revistahilda.com.

E vocês, gostam de revistas? Se ainda não sabe se gostam ou não, podem ir agora mesmo devorar o site da Hilda que eu posso apostar que vão curtir.