Tag: feminismo

28.03.16

Gordas peladas e empoderadas!

Na semana passada saiu na mídia fotos da atriz global Priscilla Marinho nua, normal uma atriz sair pelada e ter seu ensaio na mídia! Mas Priscilla é gorda, mostrar seu corpo despido através do projeto #365 nus, deixou-a na mira dos gordofóbicos.

Vendo alguns comentários negativos em matérias onde foram publicadas as fotos da Priscilla, lembrei-me das fotos da Jéssica Ipólito que recebeu muitos comentários desnecessários quando foram publicadas. Mas depois da bad que bateu ao notar que gorda quando se expõe recebe um milhão de críticas, eu me dei conta de quanto ambas são maravilhosas e empoderadas, mesmo sendo de mundos diferentes.

Então mesmo que a sociedade tente nos desestimular da valorização de corpos gordos, venho aqui mostrar 3 fotinhas de cada uma dessas beldades. <3

 

Gordas peladas e empoderadas! (2) Gordas peladas e empoderadas! (1) Gordas peladas e empoderadas! (3)

“Posar nua, pra mim, é sempre uma libertação. Desde que fiz o meu primeiro ensaio, há uns quatro anos, virei outra pessoa. Não tenho mais vergonha do meu corpo, e sei que sou linda e gostosa mesmo sendo uma mulher grande. E mesmo assim, é sempre um choque para a sociedade e família” disse ela ao Extra.

gorda negra maravilhosa (1) gorda negra maravilhosa (2) jessica maravilhosa

“Não pediremos mais desculpas por sermos o que somos e nem modificaremos ou sacrificaremos nossos corpos por imposições de uma sociedade sufocante. Apenas seremos o que nascemos para ser, sem culpas e sem mais sofrimentos. Criaremos as nossas próprias histórias, ocuparemos espaços que nos são negados e criaremos outros espaços sempre que preciso for.” Jész Ipólito (aqui).

Eu acredito que gordas peladas e empoderadas são um excelente instrumento de motivação, entendo que com fotos assim, outras mulheres se reconhecem se empoderem. Eu amo ver a beleza única em cada detalhe que a sociedade julga como impróprio, eu não vejo essas fotos com teor sexual e sim como resistência e motivação.

Mas eu quero saber a opinião de vocês, o que acham de fotos assim?

Admiram? Fariam algo do tipo?
Vamos papear nos comentários. *__*

Eu acredito que gordas peladas e empoderadas são um excelente instrumento de motivação para que outras mulheres se reconheçam e se empoderem, mas eu sei que muita gente discorda do meu ponto de vista.
Eu amo ver a beleza única em cada detalhe que a sociedade julga como impróprio, eu não vejo essas fotos com teor sexual e sim como resistência e motivação.
Mas quero saber a opinião de vocês, o que acham de fotos assim? Admiram? Fariam algo do tipo?
Vamos papear nos comentários. *__*

10.03.16

Compre de Quem Faz – Opções para sua Páscoa!

Já que a Páscoa foi transformada em uma data capitalista, nada mais oportuno que usar a data para impulsionar o trabalho de mulheres.
Para esse ano decidi indicar aqui todas as minhas conhecidas virtuais que estão vendendo chocolates na páscoa. Infelizmente eu não tenho um guia nacional, mas deixou para vocês algumas opções. *___*

Compre de quem faz (2)

Em primeiríssimo lugar eu quero indicar a Delícias da Rack que é de Osasco, para quem não sabe ainda a Rack é amiga (que o blog me deu) e colaboradora em várias coisinhas. Na real o post poderia ser só para ela, mas assim como eu, ela acredita no poder de fortalecermos outras mulheres. Para saber mais sobre o trabalho dela é só clicar aqui.

Compre de quem faz (1)

Foto de um dos Ovos da Delicias da Rack, para ilustrar o post. *_*

Minas Gerais

A Thalita faz delícias para a Páscoa em Belo Horizonte e o contato pode ser feito em seu Facebook pessoal (aqui).

A Cláudia é de Juiz de Fora, faz uns anos que trabalha com doces em geral, para a Páscoa sua empresa a Todos Sabores (aqui) tem diversas opções.

Rio de Janeiro

A Camila é de Caxias e também está aceitando encomendas, seu contato é em seu perfil (aqui).

Nata Doce no Rio de Janeiro (cliquem aqui).

Rio Grande do Sul 

No Sweet Season a Natasha de Pelotas e tem um trabalho bem legal com biscoitos nos temas de séries, e vai também vender ovos de Páscoa através da sua página de trabalho aqui.

São Paulo

Sabor Boal em Sampa (clique aqui).

Pedacinho de Açúcar em Santo André (clique aqui).

Preta Brigadeiros em Taboão da Serra (cliquem aqui).

What The Cake  de São Paulo (cliquem aqui).

The Homemade Cake de São Paulo (clique aqui).

Além de todas essas opções de doces/chocolates, ainda conheci um trabalho lindo da Leelo Bonecaria que produz coelhinhos laváveis para as crianças colorirem <3. Confiram os detalhes aqui.

Eu acredito que ainda existam muitas outras mulheres, convido a todas que comercializam produtos para a Páscoa que deixem seus contatos aqui nos comentários.

Vamos aproveitar a Páscoa para ajudar outras mulheres a desenvolverem seus negócios. *__*

Vocês já costumam comprar Ovos de Páscoa feitos de forma artesanal? Contem-me tudo aqui nos comentários.

Comprar de quem faz

 

 

 

09.03.16

Todas as mulheres são Brancas e Magras? – Dia da Mulher

Ontem no Dia Internacional da Mulher foram muitas publicidades repletas de: flores, chocolates e sorrisos femininos de mulheres magras e brancas. Será que só eu acho que isso precisa mudar?
Primeiro essa publicidade focada em flores está bem equivocada, o Dia Internacional da Mulher é um dia para ser lembrado como um marco de LUTA FEMININA.
A comemoração ideal é lutando mais e conseguindo direitos que ainda nos são negados, então eu troco flores por REPRESENTATIVIDADE.
Todas as mulheres são Brancas e Magras? Não são, mas nas publicidades ficou parecendo que são. Milhares de mulheres não se reconhecem nas imagens vinculadas ao dia (assim como no ano inteiro) e isso precisa mudar.

Para ilustrar o dia de ontem eu escolhi a imagem da MC Carol, que é o oposto de 99% das publicidades atuais. Carol é Negra, é Gorda, é muito Maravilhosa!

Todas as mulheres são Brancas e Magras

Eu não quero ser exceção em dar destaque para mulheres gordas, eu quero ver essas mulheres incluídas em publicidades no dia a dia. Isso é a REPRESENTATIVIDADE que tanto clamamos, mas enquanto isso não acontece, eu seguirei dando todo o destaque possível por aqui.

Que os 364 dias que antecedem o próximo dia internacional da mulher, possam ser de:

  • Respeito
  • Liberdade
  • Reconhecimento de Direitos
  • Equidade salarial
  • Representatividade
  • E muito mais…

Estes são os meus desejos para todas nós mulheres. <3

 

03.03.16

SOS Moradores de Rua de Juiz de Fora

Aqui no blog sempre teve e sempre terá espaço para causas sociais, já divulguei várias situações que precisavam de ajuda e pude contar com o apoio de vocês. <3 Só que sempre eram projetos distantes de mim, e eu sentia falta de poder ajudar e também divulgar algo aqui da minha região. Um dia desses (já tem um tempinho) eu vi um pedido de ajuda para o SOS Moradores de Rua de Juiz de Fora e na mesma hora eu busquei mais informações.
Já tem um tempinho que entrei no grupo do facebook do projeto (aqui) e que conversei com uma das administradoras falando do meu interesse em colaborar com a causa. Nesse tempo eu pude perceber o empenho dos voluntários em fazer acontecer as doações semanais e até o cuidado que eles lidam com a situação.
Eu como qualquer pessoa que transita por Juiz de Fora, sabemos que a população de rua é grande e estão sempre clamando ajuda. Infelizmente sabemos que dar 2 reais na mão deles nem sempre é uma ajuda, então que a gente contribua com este projeto para que eles possam receber semanalmente um pouco de comida, compreensão e dignidade.
Para realizar as distribuições eles precisam de doações dos itens listados abaixo. moradores de rua de juiz de fora
Então convido todos os leitores de Juiz de Fora e região para participarem doando, ou até como voluntários. E aproveito para convidar os blogueiros e formadores de opinião da região, para abraçar esse projeto e também ajudar a divulgar em seus canais. *__*

Que este projeto de amor ao próximo possa ser fortalecido e possa ajudar cada vez mais pessoas necessitadas.

Conto com todos vocês para esta corrente de Solidariedade.

25.02.16

“Gordinhas” não servem para o jornalismo da Globo!

Que a mídia é tem padrões absurdos, todo mundo já sabe. Né?
Sabemos também que gordas nunca conseguem espaços em grandes canais, mas o que ainda me choca é saber que mesmo sendo só um pouco maior que o padrão magro e tendo o rosto mais cheinho, algumas jornalistas globais foram encostadas por não estarem no padrão estético exigido.
Na semana passada uma matéria que falava sobre o jornalismo da Globo ter afastado algumas jornalistas, mostrava também um lado bem sórdido dos bastidores. Confiram no texto que transcrevo abaixo.

Christiane Pelajo/ Renata Ceribelli/ Ana Paula Campos

“Não foi mera coincidência. Antes de deixarem seus telejornais, as jornalistas receberam muitas cobranças por estarem acima do peso. Ana Paula Campos, por exemplo, recebeu três ultimatos pouco antes do fim do Globo Rural diário, em novembro de 2014. Ela virou repórter de um noticioso local, o Bom Dia São Paulo. A Globo nega que tenha deliberadamente afastado as “cheinhas” das bancadas. Diz que “essa suposição é ultrajante” e que “só pode ter origem no olhar preconceituoso e sexista do colunista” (leia nota no final do texto original).
Não é o que fala abertamente em seus corredores. Além do peso, cabelos mal cuidados também são motivo de advertências na emissora. Anteontem (15), a repórter Patrícia Taufer, de São Paulo, foi demitida apenas alguns dias após se recusar a pintar os cabelos, que estavam ficando brancos. O motivo alegado à profissional, no entanto, foi outro: o de que ela estava desmotivada.
Não existe uma regra escrita na Globo determinando que apresentadoras e repórteres devem ser magras, porque pessoas magras ficam melhor no vídeo, já que o vídeo deixa os profissionais maiores do que realmente são. Mas a pressão é forte. Os chefes do jornalismo abordam as jornalistas e dizem que elas têm de emagrecer. Além disso, as apresentadores passam por provas de roupas a cada 15 dias. Quem está acima do peso é “denunciada”. As roupas chegam em tamanhos já predefinidos.” Leiam o texto na íntegra aqui.

Não é tudo muito absurdo? Só que dois fatores tornam tudo ainda pior.

O primeiro é que nenhuma dessas mulheres é gorda, elas possuem corpos um pouco maior que o padrão modelo magra. Assim como a grande maioria da população.
Nelas não tem nem sinal de: bração, pernão, barriga ou qualquer outra ligação com o corpo de uma mulher que seja gorda.
Saindo do universo midiático, elas são apenas mulheres que comumente são definidas como “normais” (vale lembrar que todas somos normais), ou seja, nem magra e nem gorda.

Já o segundo ponto é que o padrão Globo, aceita homens não magros, como é o caso do muso do Evaristo Costa e vários outros.


E sabem o motivo disso? Machismo! Eles ainda controlam o corpo da mulher, enquanto homens tem o direito de serem como são.

Vocês já tinham se dado conta que na Globo os homens são: não gordos, grisalhos e até mesmo gordo? Enquanto as mulheres precisam seguir exatamente o que o padrão deles exige.
Eu acho ótimo que eles tenham esse espaço e possam mostrar que são bons profissionais, mas eu quero que todas as mulheres também possam ocupar as cadeiras da Globo, independente da aparência.

Eu torço muito para o dia em que a única coisa que vai definir um emprego será: a capacidade para o cargo.