02.02.10

Gorda sim e daí !?

Gente esse texto era pra mim ter colocado na minha primeira postagem ,mais acabei esquecendo e pondo outro.Porque assim ficaria mais claro o motivo de fazer o diario: fat teen.Mas vamos lá!

Admitir-se gorda para algumas mulheres é o mesmo que ser chamada de fracassada, apesar de ser um fato nítido, muitas querem mascarar sua baixo alto estima,com esse motivo.Sim,ser gorda hoje em dia é roubar olhares e ser vitima de comentários medíocres,mas tudo isso depende da forma que nós,nos comportamos perante esse acontecimentos.Se admitirmos que estamos acima do peso,e mostra que somos com certeza melhores que essas pessoas preconceituosas,além de elevar a nossa alto estima calará a boca e os olhares de muitas pessoas.Posso ser um exemplo desse tipo de coisa , que é muito mais comum do que se pensa.Fui estudar em um colégio,e em minha turma apenas eu não seguia os padrões de beleza do colégio, e pelo fato de não está acostumada com o preconceito ,não conseguia entender qual era o problema em ser esteticamente diferente dos demais. Foi um ano muito triste,ir para o colégio era ‘’o fim’’ fiz amigos de outras séries mais da minha,falava apenas com duas pessoas.Certo dia resolvi,repensar a forma que me colocava,quando as piadinhas e desenhos chegavam a mim,vi que estava tudo errado.Quando dei meu grito de liberdade,digamos assim.Aquelas pessoas passaram a me respeitar,mesmo detestando aquelas pessoas,procurava me fazer respeitar ,mostrando o quanto sou melhor,por saber me sobre sair e por não ter nenhum preconceito.No ano seguinte fui para outra turma e todos eram meus amigos.Nessa mesma turma um amigo me falou – (acho que nunca vou esquecer disso) ‘’O que mais me encanta em você é a forma que você se vê,sem preconceito e respeitando você e os outros.Você por ser gorda não deixa de ser realista com você mesma ,e respeita os demais’’.Gostaria que muitas mulheres,meninas e outras pessoas,se vissem melhor. Como eu me vejo hoje.Sim,sou gorda.Tenho um belo sorriso,tenho os melhores amigos,me expresso bem,minha família me ama como sou,escolho as pessoas que quero socializar,tenho um cabelo bonito,sou feliz e talvez se fosse magra não me amasse como me amo hoje. Ser gorda é apenas um detalhe,que se perde quando nos respeitamos e quando nos amamos.Procure em si própria suas qualidades,pense como deve ser triste a vida dessas pessoas que não tem nada melhor a fazer que perder tempo destacando detalhes em nosso corpo ou em nossas vidas,para zombar.Ninguém pode amar ,respeitar e gostar de alguém se não se ama.Ame-se e destaque-se,brilhe para você que logo todos conhecerão o tamanho de seu brilho.

Jadeanny A.

02.02.10

Diario de uma: Fat teen – 1º dia de aula.

Gente foi hoje , confesso que mal consegui dormi pensando como seria tudo até mesmo minhas reações e relações.Logo quando acordei,levantei com um enjoou típico de quando fico muito nervosa.Acho que nunca levantei tão depressa.Ao chegar no colégio fui o centro das atenções todos me olhavam mais não vi nem ouvi nenhuma piadinha infame foi muito tranqüilo,embora apesar de falante só falei no final do 4º horário quando o professor perguntou meu nome (lógico que abreviei com um simples – Jade) daí por diante falei apenas com duas meninas.No 6º horário quando a professora de matemática começou a falar o que não permitia falou no preconceito contra gays,negro e pessoas de forma física diferente algumas pessoas olharam pra mim admirando minha beleza (risos).Estou estudando no 3º andar e o elevador está quebrado ,acho que terei de fazer uma atividade física forçada.

                                                                                Beiijos obrigada pelo apoio e até amanhã!





            Ps : A foto com a lindíssima farda!Desculpem o rosto ainda tava com sono : $

01.02.10

Diario de uma : fat teen

Olá pessoas, hoje estreia o diário de uma adolescente gorda em um novo colégio.
Esse diário é baseado em fatos reais,meus!Espero que vocês gostem e interajam,espero que vocês possam dar boas gargalhadas com as minhas vivências!
TPN – Tenção por ser novata!
Hoje é o dia que antecede o inicio das aulas, to mega ansiosa,com receio medo e muita expectativa boa.Hoje fui compra a minha farda(uniforme) e…EXISTIA o meu tamanho nem acreditei, pra variar tive que mandar fazer ajustes,mas no mais ficou perfeita na medida que terei de usa-lá,odeio ter que usar diariamente a mesma roupa sendo que o tecido da calça é bem desconfortável.Mesmo estando aberta a tudo o que vier to com medo,medo do preconceito embora muitas vezes falemos que não estamos nem aí para as pessoas a verdade é que ninguém gosta de ser excluído,seja lá por quais razões.Não é vergonha por ser gorda mas é a realidade existem pessoas
irritavelmente-desesperadamente-enlouquecidamente-tudo–que-ouver-mente :PRECONCEITUOSAS E INTOLERANTES!
Espero que esse ano seja proveitoso ,que faça amigos e que é claro tenha muita alegria,porque ninguém merece acordar cedo pra não dar nenhuma risadinha na aula.Se não fosse pedir muito uma dúzia de professores gatos e duas dúzias de companheiros de escândalos !Beijos e torçam por mim.Amanhã tem mais!!
30.01.10

Gordinha arrasa no Futebol de Areia

Com 87kg e 1,66m de altura, a goleira Cristiane Brum provoca olhares curiosos e comentários maliciosos ao entrar na arena.


Alguns minutos de partida, no entanto, servem para acabar com o descrédito em torno da jogadora.
Com improvável agilidade para seu porte físico, Cris salta nos dois cantos e sai nos pés das atacantes adversárias.
Protagoniza de defesas importantes.

Em entrevistas Cris fala sobre si na terceira pessoa e deixa seu recado sempre.


“Essa é a parte mais forte da Cris. A Cris entra em campo como se valesse menos do que uma moeda de 1 centavo, mas depois você pode ter certeza que muitas pessoas se surpreendem e dizem: ‘caramba, que incrível essa menina agarrando!`. Independente de eu ser gordinha, dentro de campo não existe ninguém melhor do que eu”, afirmou.

A goleira do Botafogo assegura que seu peso jamais significou um empecilho ao longo da carreira, apesar de algumas tentativas frustradas de fazer regime. “Eu sempre emagreço e volto para o meu peso, mas jogo bola desde os 15 anos e nunca tive problemas. Além do físico, é muito importante ter objetivos”, afirmou.

Hoje com 28 anos, Cris começou a jogar futebol de areia por causa de um namorado. Para não ficar parada enquanto o rapaz praticava o esporte na praia, ela resolveu fazer o mesmo. Além de treinar com o Botafogo, a goleira coordena uma escolinha da modalidade.

“Eu imagino que quem me olha deve pensar que como de tudo, mas não é assim. Eu como de maneira balanceada, preciso equilibrar. Na verdade, não posso extrapolar. Se eu abusar muito da comida, acabo engordando mais”, declara.


Eu fico muito feliz em ver Gordinhas brilhando em seus objetivos.
A Cris é linda é guerreira e é gordinha, que ela motive muitas de nossas leitoras a correr atrás dos seus objetivos.