10.01.10

Gordinha só se estiver pelada?

O site americano Jezebel levantou uma boa questão:

por que as gordinhas só ganham destaque quando aparecem peladas? Podem reparar: todo editorial de moda ou campanha publicitária que se propõe a exaltar as medidas abundantes (muito mais comuns entre nós do que as exíguas dimensões das modelos) expõe as mulheres sem roupa. Ou, no mínimo, de calcinha e sutiã.

Será que essas iniciativas realmente contribuem para mudar os padrões de beleza ou só estão reforçando estereótipos? Até hoje, a imagem das mulheres mais cheinhas, que correspondia ao ideal de beleza de séculos passados, cheias de volúpia, continua em nossas mentes.

A última publicação a apostar na fórmula manjada foi a “V Magazine”, referência no mundo da moda.

A edição traz um ensaio fotografado pelo estilista da Chanel Karl Lagerfeld. A estrela sob as lentes? A figura da noite Miss Dirty Martiny, em poses pra lá de sexy e em um figurino, pra dizer o mínimo, nada elegante fotos . Além disso, a edição que foi chamada de “size issue” (edição de peso) traz um editorial de modelos GG em poses fatais.

Mostrar meninas cheias de curvas, exibindo um modelito elegante, como aqueles ostentados nos desfiles de Paris e Milão apenas por modelos magérrimas, talvez nos fizesse repensar de maneira mais profunda nossos padrões de beleza. Seria mais eficaz do que apostar na “transgressão” das cheinhas sem roupa.

Por que as gordinhas – na verdade, todas nós mais ou menos rechonchudas em nossas formas – também não podemos ser lembradas como elegantes e poderosas em vez de cheias de amor para dar?

(matéria retirada do Mulher7x7, após indicação do leitor Antonio Donizeti)

Eu por exemplo fico tão empolgada em ver modelos com corpos mais próximo ao meu em revistas, que nunca nem cogito comentar negativamente.

Mais quando temos a oportunidade de ler um texto destes acabamos refletindo.

E sim, estamos sendo expostas demais, mais infelizmente mesmo sendo expostas precisamos agradecer porque estamos ao menos tendo espaço não é mesmo?
Sinceramente não sei, porque se pensarmos bem essas publicações, acabam nos levando para uma linha que eu ao menos sempre fugi.
Não é porque somos gordinhas que somos artigos sexuais vocês concordam?

Ai muita gente vai ler esse texto e pensar essa menina tá reclamando mais outro dia ela tava exaltando?

Se tem algo que eu não aceito é incoerência e sim achei tudo lindo, mais é lamentável que só tenhamos esse espaço, espero que chegue logo a vez de termos meninas gordinhas em todas as matérias e não sejamos tratadas como diferentes, porque seria muito mais digno estarmos de igual para igual em uma revista do que estarmos despidas com cara sexy.

09.01.10

Demolição de uma Obra de Arte GG

Um ano depois chega ao fim a insatisfação de boa parte da população de Americana, a 127 quilômetros de São Paulo. O portal “A Princesa Tecelã”, que custou R$ 790 mil, começou a ser demolido na noite desta quinta-feira (7). A obra, concluída em janeiro do ano passado, foi paga pela prefeitura e pelo Ministério do Turismo.

O portal, que ficou conhecido como o portal da discórdia, desagradou aos moradores com suas duas esculturas de oito metros de altura bastante rechonchudas, desenhadas pelo escultor curitibano Luiz Gagliastri. Elas representavam a força do imigrante e seguravam um arco que fazia alusão a um pedaço de tecido. A cidade de 200 mil habitantes tem forte presença na indústria têxtil.


A Prefeitura de Americana confirmou que a destruição do portal levou em conta uma enquete feita pela internet e também porque, apesar do pouco tempo e do custo, a obra já apresentava infiltrações.
(Notícia retirada do G1)

Vi uma matéria sobre esse portal, e fui em busca de mais detalhes.
Infelizmente soube da existência dele somente hoje, um dia após o inicio da demolição.

Algum dos leitores do Blog é de Americana ou mora próximo? Gostaria de saber a opinião de vocês, que puderam ver essa Obra de perto.

Na foto me parece lindo e nada agressivo.
Infelizmente o que mais li na minha busca que as pessoas não gostaram pro se tratar de OBESOS, e que se fosse possível emagrecer um pouco as esculturas tudo bem.

E vocês o que pensam disto? Eu fiquei frustrada de não ter uma foto linda no meio dele 😛

07.01.10

Beleza Solidária


Que a Preta é de uma

Beleza sem Tamanho , eu sempre soube, mais que além de linda ela também é solidária foi uma grande descoberta com o Twitter .

Poder presenciar a idéia se transformando em realidade foi ótimo.

E hoje recebi um release e vou postar para que vocês também possam ajudar, e admirar a solidariedade dessa Fofa que é a Preta.


Campanha “Noite Preta do Bem!”

Planeta V oluntários apoia Preta Gil na mobilização de internautas para ajudar desabrigados de Angra dos Reis e Baixada Fluminense.


Preta Gil está em campanha para ajudar as vítimas da tragédia de Angra dos Reis, no litoral sul do Rio de Janeiro. Na madrugada de sexta-feira , mais de 40 pessoas morreram e mais de 800 ficaram desabr igadas depois do desabamento de uma encosta em Ilha Grande. Preta, que estava na cidade para se apresentar na festa de réveillon do empresário Henrique Pinto, ficou sensibilizada com a situação.

“Cantei numa festa super bonita, linda e maravilhosa, mas com uma chuva assustadora. A gente percebia que tinha alguma coisa estranha acontecendo, que aquela chuva estava além do normal”, contou Preta a imprensa, neste domingo .

No dia seguinte, ela pediu ajuda aos seus seguidores no Twitter para que doem um quilo de alimento não perecível para os desabrigados. A entrega deverá ser feita na boate The Week (Rua Sacadura Cabral, 154, Saúde, Rio de Janeiro), entre terça-feira e quinta-feira , das 14h às 18h. Ela também receberá as doações na quinta-feira durante seu show, Noite Preta.

Na sexta-feira , Preta segue para Angra dos Reis, onde entregará as doa ções pessoalmente. “Minha sogra, Reginalda Lima, tem um trabalho social com crianças carentes e está me ajudando a organizar tudo. Vou visitar também a comunidade de Perequê, que foi uma das mais atingidas pela chuva”, disse. “Vou fazer essa arrecadação durante quatro semanas, e pretendo ajudar algumas cidades da Baixada Fluminense que também foram atingidas pela chuva”.

A cantora, que tem quase 200 mil seguidores no Twitter, está animada. “Fiquei assustada com a proporção da solidariedade das pessoas, todo mundo querendo ajudar, dando idéia. Muita gente já se mobilizou com as doações”. Preta também pediu a ajuda do apresentador Luciano Huck, que tem cerca de um milhão e meio de seguidores no microblog, para ajudar a divulgar a campanha.

Como ajudar:

A entrega dos donativos deverá ser feita na boate The Week (Rua Sacadura Cabral, 154, Saúde, Rio de Janeiro), entre terça-feira e quinta-feira, das 14h às 18h. Ela também receberá as doações na quinta-feira, dia 7 de Janeiro, durante seu show, Noite Preta.

maiores informações pelo e-mail: noitepretajudangra@gmail.com

Planeta Voluntários apoía a Campanha

04.01.10

V Magazine – Novamente nos Valorizando

Fotos sensuais de modelos tamanho GG para a revista V Magazine

Na próxima edição da revista V Magazine, vamos poder conferir um ensaio com fotos

sensuais e provocantes de modelos tamanho GG.


As modelos Kasia P., Marquita Pring, Candice ,Huffine, Michelle Olson e Tara Lynn,
foram clicadas pelo fotógrafo Solve Sundsbo.

Confira também esse vídeo com partes dessa magnifica sessão de fotos:

Elas são ainda mais Belas em movimento.

Em uns posts atrás eu disse que 2.010 seria nosso ANO não é mesmo?
Já começou cheio de novidades desta vez as modelos da V Magazine já são bem mais fofinhas vocês concordam ?

Agradeço a dica do nosso Leitor Antônio Donizeti, que me avisou deste lindo ensaio antes de eu ver.
Se você viu algo que combina com o blog avisa para a gente vamos adorar a dica.

03.01.10

Fora Dos Padões

Por mais que se criem leis, regras e normas de convivência, a maioria dos seres humanos parece não entender que o seu semelhante, por mais “diferente” que seja a seus olhos e a seu coração, continua sendo seu semelhante. Criou-se, com o passar do tempo, padrões de sociedade onde o diferente parece ridículo, a moda é ser igual, imitar, copiar, plagiar… Tudo tem que seguir um paradigma… Por quê?… E o livre arbítrio?… E o respeito?… E o amor ao próximo?… Onde ficam?

Estou escrevendo este texto num domingo a noite, acabo se assistir a uma matéria do Fantástico falando das “gordinhas”… Criaram um calendário só com modelos acima do peso para 2010.. Aliás, acima do peso na concepção de quem?… Quem criou estes padrões?… Quem inventou que a saúde depende do número que aparece na balança? Em alguns aspectos até tem lógica, mas se a pessoa está com suas funções vitais normais, pratica atividades físicas periodicamente, ou seja, tem uma vida saudável e mesmo assim continua pesando mais do que aquilo que manda os padrões criados por não sei quem, não existe razão convincente para se estressar com o peso…

E o pior é que, na matéria em questão, entrevistaram uma consultora de moda que deu alguns macetes para disfarçar o peso e a imagem fora dos padrões, o que me leva a crer que o esteriótipo de beleza continua, ou seja, se ainda existe algum tipo de padronização, existe discriminação e preconceito… Se uma pessoa se expõe em rede nacional para dizer que se aceita e está bem resolvida com seu corpo, por que então se submete aos conselhos de uma consultora que a orienta a disfarçar a sua imagem?… E o que dizer do fotógrafo das “fofinhas” do calendário que diz usar alguns recursos e truques para esconder suas curvas?… Qual a razão de se usar recursos gráficos para disfarçar aquilo que é declaradamente aceitável pelas modelos?…

Meu cérebro inconformado não consegue processar estas informações de forma coerente, por isso concluo, mais uma vez, que são muito bonitas as ações contra o preconceito e a discriminação, porém continuam existindo os conceitos discriminatórios de beleza que fazem a maioria da população sentir-se excluída de alguma forma, pois não passam no controle de qualidade dos seres desumanos, que por coincidência são seus semelhantes…

Por fim, não sossegarei sem expor duas indagações que minha mente inconformada e irriquieta obriga meus dedos a digitarem:

Por que razão os seres humanos, inegavelmente semelhantes, julgam-se diferentes o suficiente a ponto de uma minoria criar padrões que excluem a maioria?… Qual motivo leva uma pessoa a esconder algumas de suas características, mesmo dizendo aceitá-las?

Tudo isso se resume em uma palavra, cujo exagero é o causador de todos estes paradoxos: VAIDADE…
Márcio Roberto Goes
http://www.marciogoes.com.br/

Passeando na WEB me deparei com esse texto e amei o ponto de vista do autor e por isso trouxe para compartilhar com vocês.
bom restinho de feriadão para todos vocês
bjs kalli