fbpx

Categoria: Campanhas

10.10.14

Outubro Rosa: É tempo de conscientização!

Mais uma vez eu venho aqui bater um papo com vocês sobre o Outubro Rosa, que é o um período anual de conscientização e campanhas sobre o câncer de mama.
Sei que pode parecer papo de médico xiita por emagrecimento, mas nós mulheres gordas, precisamos sim de ter cuidado dobrado, pois temos uma maior concentração de tecido adiposo e isso pode acabar “escondendo” por mais tempo algum nódulo que venha a aparecer. E é por isso, que deixo aqui mais uma vez as dicas para o autoexame, apalpem sempre e não deixem de visitar médicos regularmente. Para quem tem mais de 40 anos a mamografia anual é essencial.

autoexame outubro rosa

Quero aproveitar o tema e contar algo para vocês. *_*
Neste ano eu acompanhei uma experiência complicadíssima diretamente ligada ao Câncer de Mama, minha irmã mais velha recebeu um laudo de mamografia que indicava um nódulo possivelmente maligno, foi então pedido uma ressonância e para a surpresa e desespero neste exame o resultado foi de Bi-Rads5 o que corresponde a mais de 95% de possibilidade de ser maligno.
Foi uma correria, ela acabava de completar 40 anos e recebia esse diagnóstico assustador, ela operou rapidamente quando soube, retirou um ¼ da mama e ficou no aguardo do resultado da biópsia. Este exame demorou muitoooo mais que o devido para sair, mas por fim saiu e veio uma notícia que já nem esperávamos.
O nódulo dela era benigno, segundo foi explicado para nós, em exames de imagem o tipo de nódulo dela é o que mais se assemelha ao câncer e por isso os exames deixavam a entender que era, mas por sorte e a mão de Deus ela não tinha um câncer. Mas e se fosse? Se fosse ia tratar e ficar bem, como muitas!

Infelizmente a palavra Câncer ainda tem o dom de apavorar, e foi por isso, que eu quis contar essa experiência que acompanhei de perto para vocês, pois, quem sabe alguém venha a passar por isso. Se um dia te derem um exame que indica câncer, não se desespere antes da biopsia, mesmo se for continue sem se desesperar e corra atrás de fazer o seu tratamento da forma correta. As chances de cura são muitas e não compensa ficar mal emocionalmente, foca na Cura e vai seguindo o tratamento. <3

Este post faz parte de mais uma blogagem coletiva em prol da conscientização do tema nos links abaixo, vocês conferem outras blogueiras falando do tema também.

 

Mas aqui no blog o assunto ainda não acabou,  eu abri espaço para guest posts de quem viveu a experiência e semana que vem já vou trazer uma linda história de luta e superação para vocês.

Se Toquem! O seu toque, pode salvar a sua vida. <3

 

01.10.14

Outubro Rosa: Doe sua selfie e compareça à Roda Gigante do Instituto Avon no Parque do Ibirapuera em São Paulo

avon

No mês mundial de combate à mortalidade por câncer de mama, o Instituto Avon leva ao Parque Ibirapuera, um dos principais cartões postais da maior cidade da América do Sul, uma roda-gigante iluminada de cor-de-rosa. Os visitantes do parque poderão girar na roda gratuitamente, desde que dediquem alguns minutos para receber informações sobre a doença e os exames preventivos. Esta ação, batizada de Giro pela Vida, é destaque dentro do conjunto de mobilizações da campanha Avon contra o Câncer de Mama, que acontece em várias partes do país ao longo do mês de outubro. A roda-gigante cor-de-rosa estará aberta à população de 3 a 12 de outubro. Além da diversão e da informação, haverá um serviço importante. Diariamente, estarão disponíveis mamografias para mulheres com mais de 40 anos. Elas serão realizadas dentro de uma carreta do Hospital Câncer de Barretos, por meio do Sistema Único de Saúde –  SUS.

“A roda tem uma grande simbologia, representa os altos e baixos da mulher que enfrenta o câncer de mama, e mostra a necessidade de ela ser apoiada”, comenta Lírio Cipriani, diretor executivo do Instituto Avon. “Queremos chamar a atenção para o fato de que muitas mulheres ainda morrem por causa dessa doença, e o maior acesso aos exames preventivos pode mudar este cenário”. Segundo o Instituto Nacional de Câncer (INCA), para o ano de 2014, a estimativa é que mais de 57 mil novos casos de câncer de mama sejam descobertos no Brasil, o que corresponde a 156 casos novos a cada dia. Quando diagnosticado no início, a chance de cura é de até 90%.

A roda começa a girar no dia 2 de outubro, em um evento de lançamento que contará com a presença de parceiros do Instituto Avon e da Avon nas ações da campanha Avon contra o Câncer de Mama, além de formadores de opinião e celebridades. Uma das presenças confirmadas é a empresária e ex-modelo Luiza Brunet, atual Embaixadora do Instituto Avon. No dia seguinte, 3 de outubro, o espaço será aberto ao público. O visitante poderá andar gratuitamente na roda, a única exigência é que ele visite antes a tenda onde são oferecidas informações básicas sobre a doença e os exames preventivos.

Fonte Rosa e Árvore da Vida

Enquanto a roda gira na Praça de Eventos, outras atrações relacionadas à campanha estarão acontecendo dentro do parque mais amado dos paulistanos.  O espetáculo Giro pela Vida, projeto patrocinado pela Avon por meio da Lei Rouanet de Incentivo à Cultura, será apresentado ao público em todos os sábados e domingos de outubro. Ele consiste na dança das águas na famosa Fonte Multimídia do parque, mantida pelo Pão de Açúcar, que estará colorida de rosa durante todo o mês de outubro, e a exibição de curtas e fotos relacionados ao tema, com imagens e depoimentos emocionantes. As sessões, com duração de 20 minutos cada, acontecerão sempre às 20h e 20h30. A narração será sempre de uma voz feminina, algo inédito nos shows da Fonte.

Ao final de cada apresentação, uma instalação artística, em forma de árvore, será iluminada como encerramento do espetáculo. A Árvore da Vida, projetada em fios de alumínio pelo artista Paulo Bordhin, vai rodar sobre o próprio eixo para que as pessoas possam escolher o local onde amarrar o laço rosa, ícone da campanha.

Doe sua selfie

Durante todo o Outubro Rosa, a cada foto postada com a hashtag #giropelavida, divulgando a causa no Instagram, o Instituto Avon doará R$ 1,00 para a casa da Mama (até o limite de R$ 20 mil). Faça a sua selfie e apoie a causa!

 Infelizmente eu não vou conhecer a roda gigante, mas farei minha parte doando minha selfie. *___* 

Vamos todas doarmos juntas?

 

09.05.14

Copa das Meninas – Vamos juntos vencer a exploração sexual?

É do nosso conhecimento que infelizmente ainda é uma realidade em nosso país o turismo sexual, só que para piorar a situação o turismo sexual é comumente adepto da exploração infantil, o que faz com que muitas meninas participem desta realidade. Com a chegada da Copa do Mundo, aumenta a preocupação com essa exploração sexual de menores e foi por isso que a Plan International  Brasil lançou a campanha Copa das Meninas.

copa das meninas

 

Falta pouco mais de um mês para os olhares de todo o mundo se voltarem para o Brasil, país sede da Copa do Mundo. A Plan International Brasil, organização não-governamental de desenvolvimento, lança hoje (24) campanha em que convoca a todos torcedores, brasileiros e estrangeiros, a não desviarem o olhar para a violência sexual contra crianças e adolescentes. A campanha “Copa das Meninas” tem como objetivo alertar a população sobre a situação da proteção infantil durante a Copa do Mundo e conscientizar turistas sobre o aumento da exposição e vulnerabilidade de crianças e adolescentes a situações de violência.

“Chamamos a campanha de ‘Copa das Meninas’ para destacar situações as quais elas estão mais vulneráveis, mas isto não quer dizer que a violência sexual se aplique apenas às meninas. Estamos falando da proteção das crianças em geral”, destaca a diretora nacional da Plan International Brasil, Anette Trompeter.

A Plan espera atingir não só o público brasileiro, como também turistas que participarão do evento, provocando uma reflexão e ações de denúncia através do Disque 100, principal canal de comunicação da Ouvidoria sobre Direitos Humanos – serviço de atendimento telefônico gratuito, que funciona 24 horas por dia, nos 7 dias da semana.

Para saber mais detalhes sobre esta campanha acessem o site www.copadasmeninas.org.br, lá também vocês vão encontrar a opção de contribuir financeiramente para  os projetos da campanha, que visam o combate da exploração sexual de crianças e jovens.

Que nesta Copa sejamos campeões não só em campo, mas principalmente na proteção de nossas crianças.

02.04.14

Guest Post: Meu amigo Autista!

Hoje é o dia mundial da conscientização do Autismo, para tocarmos nos assunto de forma que vários <3 pudessem ser alcançados, eu pedi ajuda no facebook para saber se alguém já havia lidado diretamente com o Autismo e rapidamente vi que várias pessoas haviam tido experiências. A primeira a se manifesta foi a Elaine Lakeisha, eu a convidei para contar um pouquinho dessa ligação dela aqui no blog para vocês. Espero que gostem tanto quanto eu. *__* 

Austismo

De repente, mesmo fugindo do meu olhar, conseguiu fixar seus olhos por alguns segundos com os meus e sorriu. Esse foi nosso primeiro contato. Com o olhar.Logo após, fugiu. Correu para longe de mim como que quisesse dizer: “Não chegue mais perto que isso!”. Mas eu já estava encantada com aquele olhar tão profundo e com aquele sorriso tão tímido.

E assim aceitei a missão de ser sua nova amiga! Aquela que entraria no seu mundo junto com você e que cuidaria para que seus dias fossem tranquilos com a alegria dos seus 4 anos.  Lembro-me que por várias vezes sua mãe reclamava e não tinha a paciência de entender que o mundo era seu e a seu modo e acaba forçando a barra, te deixando irritado com suas tentativas de mudá-lo ou torná-lo uma criança “normal”.

Mas você tinha a mim, sua amiga. E sei que todas às vezes em que ela chorou em meu ombro dizendo não saber mais o que devia fazer a seu respeito, eu sei que ela era apenas uma mãe que não compreendia que você era especial e trabalhamos isso juntas! Especial sim! Não era qualquer um que merecia o teu olhar ou o teu sorriso! Tinha de ter algo especial também. Havia de entender que você vê o mundo de maneira diferente, um mundo particular, mas que no fim só quer viver e ser como todo mundo. Você gritou muitas vezes, se aborreceu, quebrou coisas, mas sempre procurou meu colo e até hoje não esqueço do nome carinhoso que me chamava. Você apenas estava perdido dentro de si. Eu te entendi. Você me entendeu. E o tempo que passávamos juntos, eram momentos felizes.

Consegui a sua confiança e o seu carinho, por mais que você não reconhecesse muito bem esses sentimentos… Você evoluiu e foi uma realização ver o seu progresso dia a dia. Quando te entendi, pude ajudar seus pais a te entenderem também, entenderem que você só precisava ser livre, sem cobranças e que tudo devia ser feito conforme o seu tempo… E que a paciência, o carinho e a atenção que você não deixara disponível, eles precisavam ter para que sua vida fosse mais sadia e feliz.

Hoje você é um adolescente muito esperto e cheio de sonhos, continua tímido, hoje não olha mais direto nos meus olhos, mas quando chego onde está, me abraça rapidamente e sinto que acabo de receber um: Obrigado! Mas no fim, eu que devo agradecer, por esses olhos que tanto corri atrás, por esse sorriso que tanto alegrou meu coração e por fazer parte de uma história tão linda de um guerreiro!

Você permitiu que eu te mostrasse um mundo novo e nos libertamos juntos com nossas armas de guerra: dedicação e muito amor! Fomos vencedores!

18.03.14

#NuncaSoubeOIMC uma luta contra a Gordofobia!

No Facebook está lindo de ver, famílias inteiras lutando contra a Gordofobia sendo em sua maioria pessoas que não convivem com ela, como é o nosso caso. O movimento #NuncaSoubeOIMC foi criado em apoio às dezenas professores de São Paulo estão sofrendo ao serem impedidas de tomarem posse em cargos públicos devido ao cálculo de IMC.

Hoje elas participaram de uma nova perícia e a situação não foi muito agradável, mas é a Ana Carolina que vai contar  um pouquinho para vocês  de como vem se sentindo com tudo isso.

#Nuncasoubeoimc

“Olá pessoal! Meu nome é Ana Carolina Buzzo Marcondelli, 30 anos, bióloga e professora de ciências. Assim como a Bruna, também fui barrada no concurso para professor do Estado de São Paulo porque eu apresento IMC acima de 40. Tenho 1,65m e 117Kg, meu IMC é 43. Hoje passei por perícia novamente, junto com a Bruna. Passamos por 3 médicos, sendo que um deles apenas mediu e pesou. Os outros dois viram meus exames, exames complementares do cardiologista e laudo de TODOS meus médicos, inclusive meu pediatra. Além destes laudos, levei declaração de nutricionista e educador físico, o que demonstrava que apesar de obesa, eu me preocupo com minha saúde e sou bastante ativa.

O resultado final sai em 5 dias, então não tenho um resultado concreto desta perícia, mas sei que 2 médicos me consideraram não apta (o outro eu não consegui ver o parecer). Apesar de apresentar tudo o que citei acima, continuei sendo apenas um índice que não mede nada! O que tenho de concreto é apenas o que passei hoje lá. Se antes eu me sentia humilhada, hoje eu me senti o pior dos seres humanos!!! O que parecia é que eu estava lá mendigando por um cargo, que na realidade é meu por mérito: passei no concurso!! Me senti tratada como um pedaço de carne, uma coisa insignificante. Foi aguardando a papelada do último médico que eu pensei na resposta que a Bruna deu para outro blogueiro de como ela se sentia como mulher diante disso. E a única resposta que consegui pensar, não foi nenhuma!! Neste momento, eu não consigo me sentir alguma coisa. A única coisa que passa pela minha cabeça é indignação e revolta. Se antes eu não estava calada, hoje ficarei menos ainda!!! Chega de passarmos por tanta humilhação!! Por que que nós gordinhos temos que ficar calados diante de tudo??

JAMAIS!!!! Diante disso, um amigo, magrinho, se revoltou com a minha situação e criou o #nuncasoubeoimc. Muitas pessoas estão se solidarizando, tirando fotos com as plaquinhas, a intenção é espalhar este #, criando um mega viral, mostrando que para ser professor, é preciso apenas estar munido de conhecimento!!

Chega de injustiça! Chega de humilhação!! Obrigada a quem está colaborando!
Beijos!!!

 Ana Carolina Marcondelli”

Convido todos vocês a compartilharem este post, quanto mais gente souber desta situação,  mais chances eles vão ter de assumir suas vagas. Vamos juntos participar ativamente do combate a Gordofobia usando a tag #NuncaSoubeOIMC e curtindo a fanpage #NuncaSoubeOIMC.