fbpx
11.06.15

A Gordofobia e os Médicos – Uma triste Realidade

Quem é gordo provavelmente já passou por alguma situação de preconceito em consultórios médicos, constantemente vejo relatos de pessoas que foram no médico por qualquer motivo banal e foram obrigadas a ouvir que precisavam emagrecer pela sua saúde. Infelizmente a Gordofobia e os Médicos possuem uma relação muito íntima.
No início da semana uma mulher Gorda que vou tratar como Mana, veio me relatar um episódio em que ela foi muito mal tratada no médico e vou reproduzir o que ela me contou.

Gordofobia e os Médicos
“Fui há umas duas semanas no ginecologista, e o Doutor me olhou torto, me tratou super mal, disse que não tinha estrutura para atender alguém do meu peso, pois. a cadeira ginecológica dele só suportava até 100 kg. De cara ele já acabou com a minha autoestima.
Eu falei com ele que estava em processo de bariátrica, que o peso foi em consequência da minha rotina de trabalho ( tenho uma rotina agitada com dois empregos, chegando em casa normalmente depois das 22h e por consequência como em horário errado e vou dormir tarde e etc.) .
Mas nada adiantou, ele parecia estar vendo um monstro, não importava ali o que falasse. Insisti e contei a ele que estava com um sangramento e que minha menstruação costumava ser irregular, justamente por conta do peso, passava muito tempo sem menstruar e quando vinha passava longos períodos menstruada, mas queria checar se estava tudo bem, era mesmo uma prevenção da minha parte um cuidado com meu corpo e minha saúde.
Porém, ele não se conteve em recusar me atender.
Ele enumero uma série de doenças que poderiam estar ocasionando o sangramento, como câncer de útero, mioma, endometriose etc..
Sai da consulta arrasada e preocupada, acabei indo em um pronto-socorro, onde consegui que fosse feto todos os exames e eu pude saber que estava tudo bem, que meu sangramento era apenas hormonal.
Como estou no processo para a bariátrica, tenho visitado muitos médicos e nunca fui tratada assim antes, mesmo com peso elevado eu sou ativa e não estou paralisada em uma cama, mesmo se eu estivesse ele poderia ter me tratado daquela forma.
Infelizmente este imbecil se sentiu no de dizer todas essas coisas para mim… Eu tenho certeza que não sou a única gorda a passar por isso, deve estar cheio de médico bruto tratando outras mulheres como nós, como se fossem um saco de lixo, com asco mesmo, pois foi isso que percebi nele.”

Mana é de Manaus tem 27 anos e uma carreira de sucesso, uma autoestima legal (acompanha o blog desde o início) e vive com um sorrisão nas fotos, mas isso não a impede de vivenciar a Gordofobia dos Médicos. Médicos que tinham como dever amparar pacientes! Optam por humilhar e generalizar como doente, todo e qualquer gordo que os procura. Infelizmente ele não é o único.

Por comportamentos assim como o deste Doutor, muitas pessoas gordas acabam por evitar médicos ao máximo, afinal ninguém curte ser humilhado, só que evitar não é a melhor solução.
Assim, como qualquer pessoa devemos fazer exames periódicos e manter a saúde em dia, sei que é difícil, mas o melhor nesses casos é tentar responder aos médicos e não voltar para casa “entalada” com o preconceito dele.
Não se culpem por serem gordos, os culpem por não saberem lidar com a diversidade e preferirem generalizar doenças, ao invés de investigar a causa real.
Sei que a Mana, não foi a única a passar por isso e os comentários estão abertos para vocês contarem seus “causos”. Quem sabe um dia a classe médica tenha vergonha de atitudes como essa, e comecem a nos respeitar como merecemos.

6 Comentários // Deixe o seu!

  • Essa é uma das minhas maiores broncas com médicos,poxa eles são da área de saúde e agem como trogloditas sobre o estado FÍSICO de uma pessoa e assim podem acabar prejudicando seriamente a SAÚDE PSICOLÓGICA, EMOCIONAL da pessoa! Tinha que ser denunciado um monstro desses pro Conselho Regional de Medicina. Imagina se fosse uma pessoa que tem pressão alta, ou que por motivo emocional a taxa de glicose aumenta a níveis perigosos muito rápido? Imagina o estrago na saúde física e emocional do paciente? É absurdo esse tipo de atitude, ainda mais vindo de um profissional que fez um juramento para cuidar, tratar, respeitar seus pacientes… Isso me revolta!
    Ser médico bom, humano é mais difícil que ser um médico medíocre que mal olha pra paciente e já vai dizendo que tudo que ela tem é por causa do peso! Vários estudos lá fora já apontaram que é conversa fiada esse papo de que todo gordo é doente e que toda doença é provocada ou agravada de modo proporcional ao peso do indivíduo.
    Minha sugestão para Mana é: denuncie esse médico.
    As pacientes gordas agradecem <3
    E estamos juntas viu Mana, já passei muito por isso, saiba que não está sozinha nessa e desejo uma excelente cirurgia e recuperação para você.
    E minha resposta preferida para esses médicos medíocres é: Jura que os senhores estudaram anos na faculdade e fizeram residência médica para me dizer que tudo que sinto no corpo é decorrente do meu peso? É sério isso? Não é uma generalização, banalização da obesidade não? Porque se fosse assim, nenhum magro ficaria doente não é mesmo?

    Bjs queen size

  • Luciana michele says:

    Complicado… lendo os comentários, chego a conclusão que muitas vezes vao ao medico em busca da solução de um problema e saem dos consultorios com uma crise de ansiedade e a estima destruida, o que pode piorar ainda mais a situação de alguem em busca de conforto/qualidade de vida.

    Esses medicos estao de parabéns hein???

    Pfffff

    • viviane says:

      Oi oi .. Já passei por isso com uma médica.. Ela me mediu dos pés a cabeça e disse ..” não acredito como guenta tanto peso assim ” me sente tao mal … Acho que se devemos faz algo pra que isso não aconteça mais …

  • Também já enfrentei muita humilhação em consultório medico….fui a um ginecologista que me ofendeu até o fim da consulta…… Nunca mais voltei…..
    Hoje, evito ao máximo ir em algum médico…. Dói muito ser ofendida, humilhada, destratada por causa do seu corpo e do seu peso……

  • claudia vitor says:

    Eu tbm já passei por isso tenho 38 127k sei q to acima do peso mas ao invés do medico te examinar eles preferem colocar a culpa na gordura e nem remédio passa

  • Agnnes says:

    É triste ver como os profissionais de saúde agem, eu sou da área da saúde e fico impressionada como a resposta dos médicos para todos os meus problemas de saúde é a mesma: Emagreça. Putz, eu fico cansada disso… Dá um desespero de não encontrar nenhum médico que te escute, que te compreenda… Na minha última consulta com a ginecologista, eu me queixei de dores nos seios, tenho seios muito grandes e que incomodam muito, pois a dor é intensa o mês inteiro, essa dor se agravou de uns 6 meses para cá, eu falava da dor e a médica não escutava, disse que não ia passar ultrassom de mama, pois meu problema era a gordura e se eu emagrecesse não ia sentir dor… Ai eu finquei o pé, “Conheço meu corpo, me passe um exame”, resultado, tenho cistos nas mamas que precisam ser removidos, por isso a dor aumentou. Fora outros problemas hormonais, síndrome de ovários policísticos, e outras coisas que podem ser tratadas se o médico simplesmente se dignar a me olhar como pessoa que está ali porque precisa… Eu ainda preciso caminhar muito no caminho do empoderamento, mas aos poucos vou chegando mais próximo. Ver que isso acontece de forma tão efetiva entristece mesmo, precisamos nos informar, é o caminho para acabar com o preconceito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *